sexta-feira, 27 de fevereiro de 2015

SAUDADE

Ha sempre uma dança nova para celebrar a vida
Uma canção milagrosa pra espantar o baixo astral
Um olhar sem retina pra poetizar
Um lábio provocador pra desejar
E um coração deserto de saudade pra suspirar.....